sábado, 14 de maio de 2016

Kaizo Mario World


Hack Finalizada: 11 Saidas
Autor : T. Takemoto
Emulador : Zsnes

Saudações amigos! Tudo tranquilo? Espero que sim, Feposo aqui (se acostumem com isso xD). Bom, hoje lhes trago mais uma rom hack que já é bem conhecida, estou falando de Kaizo Mario World ! Sim, essa hack que muita gente passa raiva, bem, eu tive a coragem de joga-la 100% e, é, ela não é tão dificil quanto parece.

Bom, antes de tudo, uma mini-curiosidade sobre a hack : Ela foi criada pelo T. Takemoto para desafiar seu amigo R. Kiba. Acho que ele foi um pouquinho MUITO longe demais.
Yoshi tirando onda na lava...
Em sí, a hack é divertida, basta ter paciencia.

Caso você não seja muito experiente, você terá alguns surtos de rage, mas nada que um abuso de savestate não resolva.

KMW tem pouca coisa para se dizer, ja que seu principal foco é a dificuldade. Diferente das kaizos mais recentes, essa não precisa de glitches, o que é bom para ela, kaizo é mais questão de habilidade em fases comuns e cerebro em puzzles.

O overworld, graficos, musica...tudo isso foi deixado de lado nessa hack, ela é uma hack vanilla, usando elementos apenas do SMW original.





Munchers em um alto nivel, você depende
de um golfinho, o que daria errado ?

O overworld foi deixado de lado, mas não tanto, poucas coisas nele estão modificados, alguns eventos e caminhos e a quantia e posição das fases.


O game poderia ter trocado os graficos das munchers, ja que na epoca que KMW foi criado, ja existia o acesso para ExGFX nas rom hacks. Algo que chega a decepcionar no game é o final boss, ele é easy comparado ao game inteiro.

Sim, easy, mas não easy de kaizo, mas sim easy de dificuldade comum.

Um forte ponto da hack é uma fase puzzle logo no primeiro mundo, a fase te pensar bastante e é bem interessante.





A hack, infelizmente, não é tão dificil quanto parece, o que me decepcionou quando joguei pela primeira vez. Mas suas sequencias são extremamentes mais dificeis, irei fazer review delas.

Para quem não quiser jogar esse inferno, pode ver a série do youtuber Pai Troll.

Abaixo, acompanha o TAS da hack de um amigo meu :

Essa parte é apenas umas das mais easys...

Parece que você caiu na trollada da peninha kkk


Dificuldade (KAIZO) : Facil
Nada complicado, é uma kaizo bem easy.

Jogabilidade : 8/10
 
A jogabilidade é divertida, o que irrita é a repetição de obstaculos, o que eu quero dizer, é geralmente munchers com plataformas e blocos invisiveis.

Graficos : -----

Musica : -----


Overworld : 2/10
Para ter feito pequenas mudanças, acho que não seria dificil fazer mudanças gerais.

Criatividade : 7/10

A hack é bem criativa em questão de level design, inclusive no puzzle, porém podia ter inovado em alguns obstaculos.

Nota final : 7,5/10
A hack consegue ser bem divertida, porém podia ter inovado em alguns obstaculos, graficos e no Overworld. A nota é grande porque a hack foi feita a muito tempo, logo temos que dar um valor.






7 comentários:

  1. Cara, sempre fui péssimo nessas kaizos.
    Que bom que o blog voltou, achei que estavam mortos.

    ResponderExcluir
  2. Olá pessoal. Quero baixar os jogos do mário hachs, mas não consigo. Por favor me ajudem. Meus filhos são apaixonados pelos jogos do Mário. Meu filho de 8 anos fica o tempo todo assistindo no YouTube. Socorro!!! Me ajudem. Se possível mande passo a passo para que eu possa baixar. Obrigada. Aguardo resposta.
    Rosa.

    ResponderExcluir
  3. Olá pessoal. Quero baixar os jogos do mário hachs, mas não consigo. Por favor me ajudem. Meus filhos são apaixonados pelos jogos do Mário. Meu filho de 8 anos fica o tempo todo assistindo no YouTube. Socorro!!! Me ajudem. Se possível mande passo a passo para que eu possa baixar. Obrigada. Aguardo resposta.
    Rosa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já se foi feito um tutorial passo a passo ensinando a jogar as hacks, que pode ser acessado pelos botões na parte superior do blog ou simplesmente por este link abaixo:
      http://mariohacks.blogspot.com.br/2016/04/tutorial-como-aplicar-o-arquivo-ips-e.html



      Excluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir